Educação

Interessados em participar do UPT 2018 e concorrer às vagas da UEFS em 2019.1 deverão realizar a solicitação de Isenção da Taxa de Inscrição do ENEM

O Projeto Universidade para Todos – (UPT/UEFS) informa aos interessados em participar do Cursinho Pré-Vestibular UPT em 2018, bem como em concorrer às vagas da UEFS em 2019.1 (as quais serão preenchidas exclusivamente através da avaliação do desempenho dos candidatos no ENEM) que estes devem realizar a solicitação de Isenção da Taxa de Inscrição do ENEM 2018 antes mesmo de se inscreverem no cursinho do UPT. Quem informa é a Coordenação Geral UPT/UEFS. Você poderá realizar a solicitação de Isenção acessando o site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – INEP até a data de 15 de abril de 2018. A solicitação de isenção deve ser feita, exclusivamente no site do Inep

CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No Enem 2018, a solicitação de isenção da taxa de inscrição será anterior à inscrição. Todos os interessados em fazer o Enem 2018, isentos ou não, deverão fazer a inscrição! O participante que teve concedida a isenção da taxa de inscrição no Enem 2017 e que não tenha comparecido aos dois dias de prova deverá justificar a ausência para solicitar a isenção da taxa de inscrição no Enem 2018. A solicitação de isenção não significa que a inscrição foi realizada.

A justificativa de ausência no Enem 2017, para obtenção de isenção da taxa de inscrição do Enem 2018, deverá ser feita das 10h (Horário de Brasília-DF) de 2 de abril de 2018 às 23h59 (Horário de Brasília-DF) de 15 de abril de 2018. A justificativa de ausência deve ser feita, exclusivamente, pelo endereço: http://enem.inep.gov.br/participante

Você pode solicitar a isenção da taxa de inscrição do ENEM 2018 se:

  1. Está cursando a última série do ensino médio, em 2018, em escola da Rede pública declarada ao Censo Escolar.
  2. Atingiu nota mínima para Certificação de Conclusão do Ensino Médio nas áreas do conhecimento em se inscreveu no Encceja 2017.
  3. Cursou todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada e tem renda familiar, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio.
  4. Está em situação de vulnerabilidade socioeconômica, comprovada por ser membro de família de baixa renda que possua Número de identificação Social (NIS), único e válido; e tem renda familiar, por pessoa, de até meio salário mínimo, ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.
Quer entrar em contato com o site? Nosso WhatsApp é: (75) 98259-9435