Quijingue é campeã inédita do Intermunicipal 2022

A maior competição de futebol não profissional do país tem uma campeã inédita. A seleção de Quijingue conquistou neste domingo (13) o Campeonato Baiano de Futebol Intermunicipal Ednaldo Rodrigues Gomes 2022.

O primeiro título foi conquistado fora de casa, no Estádio Humberto Badaró, em Itajuípe. Após perder o jogo de ida por 1 a 0, a seleção da Região Sisaleira se recuperou e venceu Itajuípe por 3 a 2, no tempo regulamentar, e por 2 a 0 nos pênaltis.

A conquista inédita foi celebrada também em uma final inédita. Quijingue decidiu o título pela primeira vez, apenas na sua segunda participação na competição.

Já Itajuípe chegou pela quinta vez na final. A bicampeã (1987 e 2013) ficou com o terceiro vice-campeonato.

Após a partida, a Federação Bahiana de Futebol realizou a entrega da premiação aos campeões e vice-campeões no gramado do estádio. A entidade esteve presente com o Presidente, Ricardo Lima, o Vice-Presidente, Manfredo Lessa, a Diretora de Competições, Taíse Galvão, o Diretor de Registros e Transferências, Felipe Quadros, o Diretor Administrativo e Financeiro, Marcelo Araújo, o Presidente da CEAF-BA, Jailson Macedo Freitas, além de funcionários e colaboradores.

O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, que dá nome à competição, não pôde comparecer devido aos compromissos internacionais com a Seleção Brasileira, que se prepara para a disputa da Copa do Mundo de 2022, no Catar.

Artilheiro e Melhor Goleiro – A artilharia da competição ficou dividida entre dois atletas. Romário, de Ibicuí, e Franthesco, de Nova Canaã marcaram dez gols, cada, e foram os artilheiros do Intermunicipal 2022. Já Rose, de Itajuípe, com seis gols sofridos em 18 jogos, foi o goleiro menos vazado.

E ai? O que você achou? Deixe seu comentário!