Covid-19: Feira de Santana registra 507 pacientes recuperados e supera a marca de 27 mil curados

Nas últimas 24h, Feira de Santana registrou mais 507 pacientes recuperados da Covid-19 e atingiu a marca de 27.145 curados da doença, índice que representa 85,7% dos casos confirmados. Enquanto isso, 229 exames foram negativos e 169 positivos. O número de pacientes internados reduziu de 151 para 142.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 3.962 casos ativos, ou seja, pessoas que ainda estão com a doença. O informativo também confirma mais seis mortes – os óbitos mencionados não são referentes a data de hoje e sim de dias anteriores. A informação é da Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde nesta segunda-feira (05).

Relatório sobre Covid-19 em Feira de Santana
NÚMEROS DESTA SEGUNDA-FEIRA – 05 de abril de 2021

Casos confirmados no dia: 169
Pacientes recuperados no dia: 507
Resultados negativos no dia: 229
Total de pacientes hospitalizados no município: 142
Óbitos comunicados no dia: 6
Datas dos óbitos: 01/04, 01/04, 03/04, 04/04, 04/04 e 04/04

A Secretaria de Saúde ressalta que a inclusão no boletim dos registros de óbito por Covid-19 é feita quando a declaração de óbito, ficha de notificação e resultado do exame positivo para a doença chegam à Vigilância Epidemiológica.

 

NÚMEROS TOTAIS

Total de pacientes ativos: 3.962
Total de casos confirmados no município: 31.667 (Período de 06 de março de 2020 a 04 de abril de 2021)
Total de pacientes em isolamento domiciliar: 3.820
Total de recuperados no município: 27.145
Total de exames negativos: 43.778 (Período de 06 de março de 2020 a 04 de abril de 2021)
Aguardando resultado do exame: 299
Total de óbitos: 560

 

INFORMAÇÕES TESTES RÁPIDOS

Total de testes rápidos realizados: 24.583 (Período de 06 de março de 2020 a 05 de abril de 2021)
Resultado positivo: 4.663 (Período de 06 de março de 2020 a 05 de abril de 2021)
Em isolamento domiciliar: 22
Resultado negativo: 19.920 (Período de 06 de março de 2020 a 05 de abril de 2021)

O teste rápido isoladamente não confirma nem exclui completamente o diagnóstico para Covid-19, devendo ser usado como um teste para auxílio diagnóstico, conforme a nota técnica COE Saúde Nº 54 de 08 de abril de 2020 (atualizada em 04/06/20).

pmfs